Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Segunda-feira, 5 de Março de 2007

Esclarecimento

Primeiro que tudo obrigada, Tito, pela tua eterna simpatia que eu adoro ler e pela sempre manifestada "preocupação" do choque entre ambos, tal não vai acontecer.

Agora o título:

Eu não sou enfermeira e o texto, tal como refiro no post foi retirado do Sindicatos dos Enfermeiros.  Nada daquilo tem a minha opinião pessoal, é uma simples cópia integral de um texto que estava no site.   Tive inclusive o especial cuidado de não emitir opinião sobre ele por saber que há... fragilidades.

Levantando um bocadinho o véu... quem me indicou o texto foi um de vós... publiquei para ver se alguém tinha a "coragem" de o comentar.

Jamais vos chamarei de auxiliares, não vos considero como tal, embora também nada tenha contra eles, são tão dignos como vocês e outras classes profissionais.

Relativamente a um dos parágrafos do teu comentário:  o SAMUR (Espanha) não tem um enfermeiro como tripulante?  Não juro mas julgo que sim.

Quanto à opinião que nunca manifestei aqui:

acho que em todas as classes profissionais uns têm vocação, outros nem tanto e outros não têm nenhuma.  O mesmo acontece na tua profissão, enfermeiros, médicos etc.  Há enfermeiros capazes de tripular e outros não, tal como há TAE´s que não o deveriam ser por razões que não necessito de te explicar, sabes ao que me refiro.

Mas há um facto que gostava de frisar, custa andar 4, 5 ou 6 anos a fazer uma licenciatura para depois ficarem com as nossas competências.  Custa-me digerir.  É um grande esforço que se faz, para quem só estuda nem tanto, mas chegado ao fim (o esforço) pergunta-se "para quê?" se outros fazem o que supostamente nos compete sem passar por anos preparação...  claro que aqui também se poderia debater o que efectivamente compete a quem...

Fica bem.

Por Luz às 08:35
Link do post | Comentar
|
1 comentário:
De Anónimo a 5 de Março de 2007 às 15:18
Obrigado pelo esclarecimento e sobretudo pela forma tranquila como o fizeste.
Lendo com atenção o teu esclarecimento tenho de reconhecer que me precipitei nas conclusões que tirei.
Deixa-me dizer-te que aqui também temos enfermeiros a tripular ambulâncias. No entanto aquilo que pretendia frisar é que para tripular uma ambulância de emergência não tens de ser enfermeiro. Ser enfermeiro não se apresenta como uma habilitação técnica ou humana para tripular uma ambulância.
E ser licenciado em enfermagem é uma mais valia e um esforço que deve ser retribuído no ambito daquilo que é a missão e o propósito da enfermagem.
Sabes que há enfermeiros que defendem que eles devem passar receitas? Isto é um absurdo Luz. Se um enfermeiro que fazer emergência pré-hospitalar, então que concorra para TAE. Se quer passar receitas então que se candidate a medicina. Se quer ajudar os enfermeiros e os médicos nas acções directas para com o doente, então que se candidate a auxiliar de acção médica.
Se fere assim tanto o seu orgulho que haja alguém que possa administrar uma droga sem que para isso tenha estudado 4 ou 5 anos, então admita um dilema técnico mundial, dado que desde os EUA até á Suécia os paramédicos não estudaram esse tempo todo para lhes ser concedida essa competência.
Por isso referi um problema de carácter luso, que se manifesta na inveja, no conflito por quem tem aquilo que ele não tem. O português raramente aplaude o sucesso do vizinho e muito frequentemente dificulta a vida de quem tem mais e melhor do que ele.
Uma ambulância de socorro não precisa de enfermeiros, precisa de gente capaz, com dom e carácter para desempenhar as suas funções no intuíto de ser útil no garante de uma vida.
Um beijo, um abraço e bem haja.
Tito

Comentar post

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds