Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Segunda-feira, 26 de Fevereiro de 2007

Polémico...

Artigo no Sindicato dos Enfermeiros

As Piorias da Assistência do INEM a Situações de Emergência

17-Jan-2007

"Diz o Ministro da Saúde que o fecho das maternidades melhorou a assistência às grávidas... Os bombeiros agradecem porque passaram a ter uma utilidade que não esperavam: viraram parteiros.

Com uma frequência previsível, as mulheres passaram a parir nas ambulâncias e os bombeiros passaram a ser parteiros de circunstância, com direito a fotografia e grandes parangonas nos jornais. As crianças nascidas desta forma já vêm baptizadas e tudo, para aparecerem nos órgãos de comunicação social. As parteiras de Matosinhos (lá está o Hospital Pedro Hispano em destaque, ao contrário), ensinam a sua arte aos bombeiros com as bênçãos do INEM. E os dinheiros da EU para a formação vão parar aos bolsos de perigosos gananciosos que se dedicam a criar ratoeiras como esta dos parteiros, para o povo sofredor cair nelas.

O relato publicitário é feito à volta dos fins de história (gravidez) felizes; os que terminam mal não são noticiados. Entram no capítulo dos azares e não são notícia de interesse.

Há uma associação de parteiras que vive placidamente calada sem dar um suspiro de tristeza perante tamanha desautorização e atropelo das suas competências. Sentem-se realizadas no seu estatuto para onde foram sendo empurradas pelos médicos da área; o Dr. Miguel Leão da Ordem dos Médicos pode limpar as mãos à parede pela êxito da sua cruzada de mal fazer, aquando duma experiência de reabilitação das parteiras, no parto normal e natural, que é da sua exclusiva competência, abusivamente desviado para a indústria médica, pelos médicos que, por via da pílula, viram baixar o negócio, passando a absorver os partos normais, depois de os complexificarem. E o povo sofre os enganos. A Ordem dos Enfermeiros colabora fazendo inquéritos inconclusivos de tamanhas irregularidades.

Como se a História das parteiras não bastasse ao INEM, para humilhar a Enfermagem, vem aí outro assalto às competências dos enfermeiros, formando curandeiros para distribuir pelas ambulâncias.

Há dias, assistimos à tragédia, que alertou o povo, de um sinistrado levar 7 ou 8 horas a chegar ao ponto de socorro útil. A falta anunciada era na área de viatura adequada. Mas se o INEM está a pensar transformar auxiliares de acção médica em enfermeiros altamente qualificados, através duma proposta do dr. Miguel Oliveira, estratega do INEM que propõe as competências técnicas que a empresa Master - D concretiza, pagas com os tais dinheiros. E a Ordem dos Enfermeiros colabora com o seu silêncio, neste atropelo dos Enfermeiros e da Enfermagem, que, noutras épocas, mesmo sem a Ordem, não seriam imagináveis, quanto mais possíveis.

Entretanto há centenas de Enfermeiros licenciados à espera de colocação. O INEM podia ser um dos pontos de colocação de Enfermeiros sem ser preciso recorrer a perigosos auxiliares por falta de preparação, para tão complicada missão, como é a de assistência a sinistrados, sempre difícil mesmo para técnicos experientes.

Não é nossa intenção perturbar o funcionamento do INEM. Todavia se não retira de imediato esta proposta, nitidamente no âmbito da conivência na invasão da área de profissão titular; se os responsáveis do INEM não demonstram o respeito pela esfera profissional dos Enfermeiros, igual ao que demonstram pelos médicos, vamos ter de sentá los nos bancos dos tribunais, em defesa da Enfermagem e dos cidadãos. Fazer Enfermeiros a martelo e à pressa, não se enquadra no âmbito dos ni-nó-nis voadores rasteiros."

Etiquetas:
Domingo, 25 de Fevereiro de 2007

Esmeralda parte II

Reportagem SIC:

 

O pai biológico da Esmeralda (a coisa) diz:  "eu não fiz nada para confirmar a paternidade da Esmeralda".

 

Aos 8 meses da Esmeralda foi feito teste de paternidade, mas não a pedido da coisa biológica.

 

Só ao 1 ano de idade da Esmeralda, 4 meses depois de saber o resultado do teste de paternidade, é que "pedi a regulação do poder paternal (...)"

 

Se dúvidas existiam...

 

Isto para além de revoltar já mete nojo.

 

Mais umas palavrinhas:

 

" A criança só me ia estragar a vida...  Se a minha namorada descobre..."

 

Acho que sim, tem imensa vocação para pai...  que nojo.

 

Digam-me o que quiserem, mas um pai que ame o seu filho não lhe quer tirar os únicos pais que a criança conhece desde os 3 meses...

 

 

 

 

 

 

 

Sabedoria do Rei Salomão - O Rei Sábio:

 

"Duas mulheres que disputavam um recém-nascido, já que o filho de uma delas havia morrido durante a noite.

- É meu! - uma gritava. - Mentira! - desmentia a outra. - É meu! O rei ouviu as diferentes versões contadas por ambas, reflectiu um momento e logo ordenou aos seus guardas: "Tragam-me minha espada. Vamos cortar ao meio a criança e cada uma fica com a metade".

- Muito bem! Nem eu, nem ela! - Regozijou-se uma das mulheres, ao passo que a outra, ajoelhada, implorava: "Não! Dê-lhe o menino mas não o mate".

- Esta é a mãe - decidiu o rei, entregando-lhe a criança. - Mulher, toma teu filho. "

 

 

É só o que falta ao biológico... cortar a criança ao meio...

Etiquetas:
Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2007

Click

Se poderem vejam.

Achei magnífica a lição que daqui se tira

O primeiro filme com o Adam Sandler que me pôs com lágrimas nos olhos.

Sem dúvida a família está sempre primeiro, mas ainda há quem teime em não me dar ouvidos.

 

Etiquetas:
Terça-feira, 20 de Fevereiro de 2007

Fico Passada

Hoje no telejornal noticiavam que a mãe adoptiva da Esmeralda, que se encontra há algum tempo em parte incerta com a filha, vai ser amanhã declarada contumaz.   Este assunto que dá-me a volta ao estômago.

Segundo consta a adopção não foi bem feita, mas desde quando alguém que se esteve nas tintas para a filha quando ela nasceu tem agora direitos?

Diga-se em abono da verdade que uns pais que se sujeitam a prisão, a serem (no caso da mãe) declarada contumaz etc, só podem mesmo amar muito esta criança.  Mas pelos vistos não chega, o que é bom é não querer saber deles durante 5 anos e depois se lembrarem que têm filhos... sim senhor... que nojo!

Isto dá-me tanta raiva e repulsa que nem tenho palavras para descrever.

Mas gostava de poder dizer à coisa biológica da Esmeralda (coisa porque para mim não é pai), que se fosse meu paizinho o mandava para a coisa da tia (estou a tentar conter-me).

Pessoas como esta coisa nem merecem o ar que respiram quanto mais se dizerem pais...

Que nojo de país, que nojo de gente, que nojo de justiça.

Olha coisa biológica da esmeralda, se o meu filhote tivesse um pai como tu podia-se fod&$ todo mas não era 5 anos depois que se ía lembrar que afinal tinha direitos!  Dos deveres não se lembrou pois não?  Pó car&lh% !!

Desculpem a raiva... e o meu primeiro post menos próprio, que embora não tenha nada de mal sai dos parâmetros normais deste blog.

Estou: rrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr
Etiquetas:
Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

Para ti...

Sem presunção...

Dedicação extrema a quem é digno de admiração e retribuição de amor e uma fabulosa capacidade de ignorar o que não interessa.

Quando a entrega acontece é total, a todos os níveis.

Acho que perfeitamente capaz de educar e dando muita importância ao estímulo da inteligência e efectividade.

Curiosa, tagarela.

Com certo gosto pelos extremos... para quê cansada se pode ser estafada... ou feliz se pode ser louca de alegria... usar e abusar do superlativo.

Algum receio da desilusão.

A extrema susceptibilidade e algum receio de falhar estão a par e passo com frontalidade e a impulsividade.

Generosidade.

Importância zero à crítica destrutiva, passa completamente ao lado.

Devia ser mais positiva.

E muito chata lol

 

 

Fica bem.........

Hoje estou igual ao dia

Cinzenta!

Não estou de todo nos meus dias.

Questiono-me até que ponto temos o direito de sacrificar os outros em prol dos nossos sonhos.

Que direito temos de fazer os outros infelizes para que estejamos bem, que direito temos em mudar toda a sua vida para que possamos fazer o que gostamos. 

Certamente compreender e tentar aceitar é uma divina prova do nosso amor, mas temos de ser infelizes para provar que ama-mos?  E como nos mostram que nos amam?  É nos obrigando a ser infeliz, sacrificar, sujeitar, etc?

Eu sei que é suposto não se pedir nada em troca e eu nunca pedi, mas agora gostava de pedir para ter a mesma vida de antigamente com tempo para a família.

Estou cansada e tenho dias que quebro, hoje é um deles, cinzenta com "chuva", só me falta trovejar, mas também se arranja...

Etiquetas:
Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007

Uma lenta leitura

Gosto muito de ler e quando pego num livro tenho alguma dificuldade em parar, acho que nunca demorei tanto a ler um livro como este que tenho agora "entre mãos".

Estou no Volume 2 de Conversas com Deus do Neale Donald Walsch, mas nunca mais o acabo, sinto necessidade de parar praticamente a cada página, para que consiga assimilar o que lá está.  Fui educada como Católica, mas quase nunca vou à Igreja embora todos os dias reze, por vezes um pouco à minha maneira, como se mantivesse um diálogo de desabafo.

Eu não vejo Deus, Jesus etc como os caracterizam na Igreja Católica.  Não vejo Deus como o castigador como se diz por lá.

Este livro tem uma abordagem completamente diferente de Deus, retrata Deus (ou Deus auto-retrata-se) como uma energia, diz que cada um de nós o retratou à sua maneira, mas não discute de todo a forma correcta de o ver, nem eu o quero fazer, mas gostava de saber a vossa opinião, não do que acham estar correcto mas saber como vêem Deus.

No meu ver o importante é que estejamos bem com a nossa crença, pois acho que a nossa aceitação é de certa forma intelectual embora na maioria das vezes esteja fortemente mergulhada em emoção.

Eu preciso de acreditar Nele, preciso de durante o dia "falar" com Ele e por vezes de chorar, mas nunca me esquecendo de agradecer, raramente peço e quando o faço é para me iluminar o caminho, mas agradeço todos os dias, mais não seja por ter comida na mesa, uma cama quentinha e pessoas que me amam.

Etiquetas:
Segunda-feira, 12 de Fevereiro de 2007

É só para teres vergonha

Este post é só para dizer que o hipócrita de quem falei há posts atrás, que é só o hipócrita do meu melhor amigo, como vêem um hipócrita com pouco significado para mim, coisa pouca (estou a gozar, está claro!)... resolveu dizer-me, agora, que afinal é pelo Sim, mas que resolveu irritar-me.

Está dito... e vamos ver se ele se envergonha...

Preocupação

Vi uma reportagem que me chocou.

Que a anorexia existe já todos sabemos, mas que há quem faça disso um estilo de vida, desconhecia completamente.

Tive alguma curiosidade e pesquisei sites pro-ana e pro-mia, é assim que se intitulam.  A palavra de ordem é emagrecer, junta-te a nós, não percas tempo a tentar convencer de que estamos errados, não podes ingerir mais de 300 kcal / dia...  CHOCADA, foi como fiquei!

Será que sabem que a anorexia e a bulimia é um distúrbio nervoso tratado na Psiquiatria dos hospitais?

Ok, então para além de nos termos de preocupar com a internet, com o tempo que os nossos filhos jogam playstation, com o que vêem ma televisão, com a toxicodependência, etc... agora também temos de nos preocupar com pessoas que andam de volta deles a dizer para não comerem?

Num dos sites li isto: "(...) hoje não vou falar de mim, hoje quero emagrecer todas vocês (...) podemos falar no msn sobre a proana, lá é mais fácil de responder às perguntas (...)".   Será que ninguém diz a esta rapariga qual é o hospital mais próximo?

Eu não quero ofender ninguém, mas dizer que somos proana ou promia, pois fazemos da anorexia e da bulimia um estilo de vida, vem experimentar, é estar demente!

Sei que cada um faz as escolhas que quer e só vai a trás quem entende ir, mas isto não são modas, não são calças rotas, ou saias curtas, cabelo pintado ou cortado de forma x, são doenças, querem fazer de doenças modas!

Na reportagem ouvi "(...) e se a fome apertar come-se 1 gomo de tangerina e um tomate miniatura (que tem nome mas não me recordo), não mais que isso por hora (...)".

Houve um testemunho de um ex-anorética que contava como na internet a incentivavam a não comer.

Nem sei o que pensar disto, a não ser que está tudo doido...

Etiquetas:
Domingo, 4 de Fevereiro de 2007

IVG - Muitos nãos por um SIM

Confesso que este assunto me andar a revoltar porque não tinha consciência de uma hipocrisia tão próxima de mim.

Nunca pensei ouvir de certas pessoa "coitadinha da criança, não terá ela direito à vida?", mas ouvi e custou-me muito, não por ouvir mas por não esperar ouvir DAQUELA pessoa. 

Apesar disto descobri que muitos que defendem o não, são da mais perfeita ignorância relativamente ao assunto.  Dizem não porque lá na sua santa ignorância aquilo que está dentro da barriga é uma fabulosa vida em crescimento.  Tudo bem até pode ser uma vida, mas será fabulosa?  Será sempre fabulosa?

Questiono-me como pode alguém que nem sequer sabe como funciona a pílula ou o D.I.U , como método contraceptivo, como de facto actuam no corpo da mulher, possa votar.

Como é que alguém que nem sabe que a fecundação não é impedida, o que se impede é o alojamento do óvulo fecundado no útero, pode ter opinião.  Estão a entender???  Como se pode formar opinião acerca de algo que se desconhece??

Pois... mas pelos vistos é o que mais há...

Outro fenómeno para mim é a pergunta... pessoas que considerava inteligentes dizem eu sou contra o aborto.  Excelente, acho que todos somos, na medida em que não se faz por prazer, não me ocorre que alguém diga "ora amanhã tenho a agenda pouco preenchida vou fazer um aborto", ninguém faz isso certo?

A pergunta é outra:

"Concorda com a despenalização da Interrupção Voluntária da Gravidez, se realizada, por opção da mulher, nas primeiras 10 semanas, se realizada em estabelecimento de saúde legalmente autorizado?"

Então qual é a dúvida?  Alguém está a perguntar se são a favor do aborto?

Sou uma radical pelo SIM, e só passo a admitir que certas pessoas me venhas com moralidades quando tiverem moral para o fazer, quando prenderem as suas mulheres porque todos os meses não permitem que um óvulo fecundado continue o seu processo.

Eu sou pelo não à penalização da mulher

Eu sou pelo não de uma das principais causas de morte materna em Portugal, o aborto clandestino

Eu sou pelo não sofrimento da mulher, que muitas vezes nem anestesia leva, sentindo dores terríveis durante o aborto

Eu sou pelo não à hipocrisia

Eu sou pelo não ao abandono

Eu sou pelo não ao sofrimentos da crianças que não sabe o que é ter amor de pais porque não foram desejados

Eu sou pelo não continuar a ser apenas 1 de 4 países europeus, e apenas 4, a penalizar a mulher que faz uma IVG

EU SOU PELO SIM

 

Etiquetas:

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds