Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

Sei que não sou muito sociável!

Mas há coisas com as quais não consigo lidar e sinceramente não tenho a mínima vontade de querer conseguir.

Chamem de defeito, um defeito grave, não importa. O que me importa é que não consigo.

Tenho uma conhecida minha com quem gosto de falar dos assuntos do dia-a-dia, dos filhos, da escola, da educação. É uma pessoa com quem se consegue dialogar, debater temas de diversos géneros etc. , é inteligente! A minha dificuldade é quando nos cruzamos com uma amiga dela... Eu passo-me! Eu não consigo ter um diálogo com ela, o que faz com que normalmente eu arranje sempre alguma coisa para fazer, que me faça fugir dali (certamente nota-se que é de propósito, mas apouco me importa)

É esta a minha dificuldade. Os anos em que eu explicava a mesma coisa 700 vezes sem me cansar já foram.

Nós não nascemos ensinados, há muita coisa que não sei e gosto que me expliquem. Não tenho "a mania", longe disso. Passo a explicar:

Eu não consigo dar-me com pessoas que dizem:

"Comprei um caderno para a minha filha que tem linhas assim e assim" (fazendo gestos com a mão na horizontal e vertical). Explicamos à pessoa que isso se chama quadriculado e no dia seguinte lá está ela a dizer que as linhas são assim e assim...

E às quais tenho:

De explicar que o planeta terra é constituído por vários continentes e muito menos gosto de explicar que a Austrália e os E.U.A. não estão na Europa... E ouvir a seguir "ah não?" e pior no outro dia já não saberem o que lhes foi explicado.

E não, essa criatura não está a gozar!

Eu não mais que os outros, estou a séculos de saber tudo e como toda a gente sei mais de umas coisas do que de outras. Sou Humana! Mas não me considero burra. Ou se calhar até sou, porque eu não sei lidar com este tipo de pessoas. Não consigo. Não quero conseguir... E admito que se tem de ser alguém especial e de capacidades infinitas para se conseguir. Eu ainda não atingi esse estado de alma.

Acho que as pessoas têm de ter bases um tanto idênticas para se conseguirem relacionar com durabilidade. Lidar com pessoas assim não custa se for por pouco tempo. Diariamente parece-me impossível.

Tenho um exemplo muito próximo, com um amigo, amigo de infância que adoro.

"Contra tudo e todos" começou a viver com a namorada, namorada que é o oposto dele. Escrevo contra tudo e todos por embora ninguém tenha o direito de se meter na vida dele, é bem crescido, temos o dever de o alertar se assim o acharmos necessário. E tantos o fizeram...

Hoje aquela relação chegou ao fim. Ainda vivem juntos por pura maldade dela e falta de coragem dele em se expor Sonjita , está aqui o tema do que as mulheres são capazes).

Deixou de haver tema de conversa por ela não entender do que ele falava, ele começou a irritar-se com a falta de conhecimento dela e por não conseguir partilhar com ela ideias por ela não entender os temas.

Era óbvio que isto iria acontecer, mas ele não tinha o distanciamento necessário para poder ver mais além.

Eu sou assim, eu não consigo lidar com determinado tipo de pessoas.

Mais nova cansava-me a explicar 30 dias seguidos se fosse necessário. Hoje não tenho vontade de perder tempo com quem não quer entender.

Irrita-me ouvir amirralite (amigdalite), está flamado (inflamado), Top Bugê (Top Budget), que o Bumbo Dumbo) tem as orelhas grandes... Não consigo. Acho que nem consigo entender que se possa ser assim, parece-me impossível...

Por Luz às 09:35
Link do post | Comentar
|
42 comentários:
De andie a 9 de Janeiro de 2008 às 10:45
Eu também tenho tolerância zero com a ignorância, não aquela ignorância dos velhinhos, os que não puderam estudar, mas esse não-querer-saber-tou-me-nas-tintas-para-quem-saiba irrita-me solenemente!
É que não há pachorra para essa gente!
Não te faz lembrar aquelas cenas de filmes western, com a rosa de jericó a voar na areia e o som do vento? Imagina que a planta é um neurónio e o deserto a cabeça dessa gente!
(Eu tenho assim estas visões à Ally McBeal!)
Beijinhos!
De JoanaTorrado a 9 de Janeiro de 2008 às 10:54
Bom dia.

O Blog "Dias Iluminados" merece estar em destaque. Aparece na Homepage do SAPO e na Página Principal dos Blogs (http://blogs.sapo.pt).

Parabéns e boa continuação :)
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 11:13
Bom dia Joana,

Com a modéstia a que estou habituada a ter, agradeço a atenção, mas exprimindo a minha surpresa.
De Euquandoforgrande a 9 de Janeiro de 2008 às 11:26
Nós próprios não sabemos tudo mas há quem nasça sem paciência para burrice que já não devia haver no século 21 e muito menos em pessoas dos 20 aos 40 (aos outros dá-se um desconto) e neste caso já somos duas!!
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 11:31
Bem-Vinda Euquandoforgrande!

A minha dificuldade é exactamente essa, acho que uma coisa são as pessoas que infelizmente não tiveram possibilidade de estudar e que não tiveram ninguém que as ensinasse, outra é não quererem. Não consigo entender que uma pessoa com 30 anos não saiba o que significa quadriculado.
De Euquandoforgrande a 9 de Janeiro de 2008 às 12:53
Acho que já estou na fase de entrar a 100 e sair a 200 "if you know what I mean"
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 13:45
Entendo, mas ainda não atingi esse estado de graça LOL
De Dual a 9 de Janeiro de 2008 às 11:42
Eu compreendo o teu ponto de vista. E a minha opinião é que nãoé vergonha para ninguém não saber algo pois estamos sempre a tempo de aprender. Vergonha é não saber e não querer aprender.

Ser ignorante não é grave. O que é grave e triste é gostar de ser ignorante.

Beijos
De NaRiZiNHo a 9 de Janeiro de 2008 às 11:47
Hmmm por cá depende do estado de espírito :P
Temos que ser tolerantes, há pessoas que não conseguem mesmo :D
:-*
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 11:50
É verdade NaRiZiNHo, mas e as que conseguem e não querem? O que fazemos com elas? São essas que me deixam doida!

Como está o artista pequenino?

Bj
De NaRiZiNHo a 9 de Janeiro de 2008 às 14:10
Pois Luz, no que respeita a essas pessoas só nos resta ignorar.
Há pessoas que de facto são muito teimosas e com as quais não vale a pena perder tempo.

O aRTiSTa está bom (espero eu), assim como tenho esperança que amanha ele perca a vergonha e mostre de uma vez o que é
:-*
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 14:16
Bem deves estar em pulgas. Com o meu filho foi assim:
Eu tive uma gravidez de alto risco (e tu sabes tão bem o que é isso) estava com dores e fizeram-me uma eco no hospital.
O médico nem teve o cuidado de me perguntar se eu queria saber o que era, disse-me assim: "Já sabe o que é? É um rapaz!!!!" Nem fez pausa entre frases! E cá está o rapaz!

Jinho

Boa sorte
De telma.bastos@cm-portimao.pt a 9 de Janeiro de 2008 às 12:15
Meus Deus....pareço que tem alguém falando por mim.
Afinal não sou única...graças a Deus. È que tem alturas que fico pensando que não sou normal, mas afinal tem mais gente como eu. Obrigada
Um beijo
Telma
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 12:20
Bem-Vinda Telma.

Beijo
De sonjita a 9 de Janeiro de 2008 às 12:35
Olá Luz.... antes de mais muitos PARABÉNS pelo destaque do teu blog pelo Sapo... não percebo a tua surpresa porque, quanto a mim é bem merecido. Tens um blog interessante e dinâmico. Agora vai ser só chover comentários ao teu blog
Quanto ao post , bem, eu confesso que também sou das que não tem pachorra nenhuma. Não me custa explicar o que quer que seja e da forma que seja desde que sinta receptividade do outro lado... e se não perceberem à primeira, vai à segunda... às vezes podemos ser nós próprios que não nos conseguimos explicar. Agora há aquelas pessoas que fecham os olhos para o mundo... vivem num mundinho fechado, ignorante, e à margem de todos. Acham que ainda vivemos no século XVIII ou XIX em que a mulher vivia para a casa e para o marido... o ditado "Um homem conquista-se pela barriga" já não se aplica ao século XXI... também pode ser por aí mas tem que haver alguma inteligência alienada, senão acontece como o teu amigo (sim, um belo exemplo daquilo que eu falei no meu blog). Enfim, a mim tira-me do sério... apetece-me dar-lhes um abanão e dizer "ACORDA PARA O MUNDO", mas quê... não vale a pena... faço como tu, ou tenho outras coisas para fazer ou fecho os meus ouvidinhos à ignorância e viajo pela minha mente... depois digo, ai e tal, estava distraída!!!!! Enfim, há pessoas que requerem muitaaaaa paciência para se poder conviver com elas.

BJoka
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 13:47
Obrigada, mas acredita que não é falsa modéstia. Fiquei de facto surpreendida.

Nem com abanões vai... lol

Jinhos
De Morgana a 9 de Janeiro de 2008 às 12:46
Minha amiga, sei como se sente, tenho uma amiga que é exactamente assim. E garanto-lhe, pensei que fosse uma dessas pessoas que consegue aguentar todos os dias (e consegui, por 4 anos), mas sinceramente já não consigo aguentar... E o pior é que em algumas coisas ela sabe exactamente o que faz, mas finge que pronto, que é ingenuidade e tal... (ainda por cima é loira...)
Sinceramente tb já nao tenho paciencia....
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 13:48
Bem-Vinda Morgana.
De J.C. a 9 de Janeiro de 2008 às 13:05
Ignorancia pode ser uma benção ... as coisas que eu dispensava saber.

sorte e saude

jmack
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 13:50
Bem-Vindo jmack.

Entendo o que queres dizer. Se não me desse ao trabalho de ser informada, de ver noticiários e saber o que se passa pelo Mundo sofria e revoltava-me muito menos. O mesmo se aplica a outras situações da vida.
Aí estamos de acordo!

Fica bem
De dulci a 9 de Janeiro de 2008 às 14:53
Quando for possivel introduzir um chip na cabeça, acredito que ninguém quererá ser ignorante! Será fácil e poderá comprar-se!

Dulci
De Luz a 9 de Janeiro de 2008 às 15:54
Bem-Vinda Dulci.

O chip é uma ideia, mas iria retirar o magnífico prazer de aprender. Mas mesmo assim acredito que não iria ser adquirido por todos.

Comentar post

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds