Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2008

Nem sempre são como imaginamos

O título refere-se aos filhos.
Nós pais temos um pouco a mania que os nossos filhos são santos e não fazem mal a uma mosca. Mas não é assim.

Ontem quando me deitei andei às voltas na cama preocupada com um assunto que nem me dizia respeito. Ontem quando fui buscar o meu filho à escola vi a cara de "raiva" de uma amiga minha quando o filho lhe disse que um outro menino lhe tinha batido, um menino que é cigano dizia ele. Na hora disse-lhe que achava estranho, porque a criança a que ele se referia é um menino extremamente bem comportado e nada dado a violência. Mas há uma primeira vez para tudo! O meu filho também lhe disse na hora para ele não dizer isso, pois ao aplicar o nome cigano estava a julgar a pessoa pela diferença.

Como somos amigas e por continuar a achar estranho resolvi investigar.

Surpresa!
Não tinha havido um menino que lhe bateu, mas sim um menino com quem ele tinha andado à luta e se bem sei uma luta implica dois indivíduos. E o mais grave, no meu ver, foi o facto de ter descoberto que o menino não era quem ele dizia ser. Isto poderia ter causado graves consequências.
Cheguei a questionar, à minha amiga, o que sentiria se o filho fosse acusado de uma coisa que não tinha feito.

Ela acreditou piamente no que eu lhe disse, mas ainda assim pedi para ela fazer a mesma investigação que eu antes de ligar ou ir à escola, para não se envergonhar quando lhe disserem que o filho lhe mentiu.

O que a passou a "atormentar" foi a mentira e o porquê de ele mentir.

Não vou abordar as causas porque podem ser milhentas e a educação nem sempre está na base de todos os comportamentos das crianças, mas este acontecimento foi importante para se concluir que nem sempre podemos pensar que os nossos filhos são santos. Até porque nestas idades acontece muito eles serem ao pé de nós completamente diferentes do que são quando nós não estamos.
Podemos amá-los incondicionalmente, mas eles são como nós, têm defeitos.
Por Luz às 10:42
Link do post | Comentar
|
5 comentários:
De Fátima Lopes a 16 de Janeiro de 2008 às 12:18
Este assunto assenta-me como uma luva!
É totalmente VERDADE!
Descobri isso com o meu filho mais velho de quem recebi a primeira queixa "grave" (entenda-se por queixa grave - tabaco/cerveja) aos 17 anos.
Pensava eu que ele era um rapaz orientado não influenciável, mas vá lá saber-se porque o "puto" afinal ao pé de nós é um e com os amigos arma-se em ......parvo!
Nunca quis ser uma mãe opressiva, castradora e intolerante (porque foi assim a minha), mas na realidade eles têm que ser muito controlados, estas idades são muito complicadas.
A influência a necessidade de afirmação toma conta deles e eles não querem ser "betinhos".

Realmente não conhecemos os filhos!!!!

Beijos
De Dual a 16 de Janeiro de 2008 às 12:19
Acho que todas as crianças, em dado momento, e por qualquer motivo (até daqueles que não lembram ao diabo) mentem.

Saber reconhecer as fraquezas dos filhos e indicar-lhes o caminho certo é uma das facetas mais bonitas da maternidade/paternidade.
De Santo & Pecador a 16 de Janeiro de 2008 às 12:59
Olá Luz,
Como sempre digo eu "dentro de todos nós sempre existe um Santo & Pecador" até mesmo nos nossos filhos!!! O que acontece é que muitas vezes temos un filtro nos olhos que não nos deixam ver os defeitos dos nossos descendentes. Talvez tenhamos de mudar as "as lentes" dos nossos "oculos" Paternos...
De NaRiZiNHo a 16 de Janeiro de 2008 às 14:32
Agora fizeste-me lembrar a minha mãe!!!
As pessoas por vezes criticavam-na por acharem que ela era severa comigo e com o meu irmão mas nunca o foi. Sempre foi honesta e sincera e foi isso que herdei dela.
O que é certo é que até ao momento nenhum dos seus filhos lhe deu grandes desgosto e os filhos das amigas já aprontaram algumas e as mães so diziam maravilhas.
Tens toda a razão, só espero saber separar as águas com o meu.
:-*
De sonjita a 16 de Janeiro de 2008 às 22:31
Verdade verdadinha... ninguém é santo nem mesmo as crianças.... eu vejo quando estou com os meus sobrinhos o que eles fazem. Bem, e se calhar basta olharmos para trás e tentarmos lembrar-nos de quando tinhamos a idade deles e das maldades que faziamos :)
Eu nunca menti nos termos que falas mas fiz das minhas :)

Comentar post

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds