Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2008

Tenho uma para vos contar

No inicio desta semana o meu filho chega a casa (da escola) com um panfleto de uma Assembleia de Deus das não sei quantas. Disse-me que uma colega tinha andado a distribuir.

Com este meu feitio maravilha, passei-me...
Ele disse-me que a professora não tinha conhecimento de nada e no dia seguinte pu-la a par da situação e mostrei-lhe o dito panfleto .

Então o que foi:
Familiares da miúda para propagandearem a dita Assembleia mandaram-na distribuir  panfletos aos colegas para que os mesmos entregassem aos pais.

Se este acontecimento tivesse ocorrido no exterior do estabelecimento de ensino jamais reclamaria, mas se por ser património de todos a escola pública não podem ter religião, não podem identificar-se com símbolos religiosos, se já não podemos ter religião e moral por ser dada na base dos ideias Católicos etc., gostava que outras religiões que não fossem propagandeadas. Não quero parecer uma militante Católica, nem praticante sou, mas se tenho de aceitar os mais elementares requisitos do princípio constitucional da separação entre o Estado e as igrejas e da laicidade da escola pública gostaria de ver que o mesmo é feito em relação às restantes religiões.

Pronto, e isto tudo para dizer que só a mim é que me saem criaturas destas na rifa, com ideias da treta que não lembra ao Diabo.

Para ser honesta o que mais me irritou foi o veículo utilizado para chegar até mim (e restantes pais), pôr uma miúda que ainda nem sabe ler a distribuir panfletos pelos amigos é demais. Friso que não sabe ler porque ela nem sabia o que era aquilo nem qual o intuito de o estar a fazer.

Não chateio ninguém com a minha religião, mas há quem não consiga fazer o mesmo.
Por Luz às 10:45
Link do post | Comentar
|
18 comentários:
De FÁTIMA LOPES a 24 de Janeiro de 2008 às 12:35
Luz,
Pobre criança filha de pais fanáticos!
Concordo em absoluto com a tua opinião, a divulgação através de uma criança que não sabe sequer o que está a fazer é um golpe baixo.
Porque não vão eles para a entrada do metro fazer propaganda? Se calhar até vão!
Agora imagina o que a menina não deve ouvir em casa, deve ser cada "injecção"!
Não me admira nada que um dia em que possa optar por uma religião não escolha a evangélica!
Atenção, que não tenho nada contra esta religião, porque em todas as religiões existem fanáticos, a posição não é contra o que acreditam mas contra a forma utilizada para divulgar!
Jocas
De Santo & Pecador a 24 de Janeiro de 2008 às 13:39
Olá Luz.
Em primeiro lugar quero dizer que concordo contigo em relação ao post que escreveste. No entanto e como fazes referência a que a escola é um local publico e que portanto não podem identificar-se com símbolos religiosos...etc.. Gostaria de perguntar-te se já verificas-te na escola onde está o teu filho se em nenhuma das salas de Aula existem crucifixos pendurados nas paredes? Porque realmente a lei existe mas não é muito levada em conta (pelo menos aqui no Norte).
E se por acaso encontrares algum crucifixo pendurado em alguma parede da sala de aula (que espero que não) gostaria que demonstrasses a mesma coragem que acredito que tens e falar igualmente com a direcção da escola no sentido de regularizarem a situação e fazer cumprir a lei!
Sei que não é justificado o acto dos familiares dessa miúda, nem pretendo fazer tal coisa, pois eu como líder de uma Igreja não promovo esse tipo de atitudes antes as reprovo porque entendo que ninguém esta por encima das leis.
Fica bem e é sempre um prazer passar por este teu cantinho...
De Luz a 24 de Janeiro de 2008 às 14:11
Olá Santo & Pecodor, é ter-te por aqui.

A escola do meu filho cumpre a lei. Não há nada alusivo a dada religião. Eles cumprei tudo o que referi no 4º parágrafo.

Quanto à tua outra "dúvida", teria sem dúvida coragem para reclamar. Inclusivé já numa reunião lhes disse que me parece tola essa mania de todas as escolas englobarem todas as crianças em certas festividades como Natal, Páscoa etc. pois se somos multiculturais e por isso houveram tantan alterações temos de respeitar quem não festeja o Natal da mesma que nós e outras nem sequer na mesma altura do ano e por norma as escolas não se preocupam com isso.

Das duas uma, ou o país não se preocupa com isso e se mantinham todas as tradições que existiam no meu tempo, dos meus pais, avós etc,ou se é para mudar mudança tudo para haver coerência.

Perdemos a religião e moral etc, etc, etc e não perdemos formas de festejar certas épocas de forma típicamente Católica.

Ou bem que se mudava tudo ou bem que não se mudava nada... Mas estamos em Portugal!

Fica bem
De Santo & Pecador a 24 de Janeiro de 2008 às 15:27
Cara Luz, fico de veras alegre que a escola onde esta o teu filho cumpra as leis, coisa rara cá pelas "minhas bandas"... Quero que saibas que não te questionei por ser Evangélico apenas o fiz porque muitos país infelizmente não se importam que igreja de "seus país, avôs etc..." façam todo o tipo de divulgação nas escolas e continuem a usar os seus ícones religiosos símbolos ) no entanto ficam molestados quando as outras confissões o fazem! Não digo isto por ti porque embora te conheça há pouco tempo já deu para perceber a tua verticalidade e coerência de pensamento, no entanto fiz as perguntas para que outros leitores do teu blog possam pensar nessas questões que te coloquei! E então serem coerentes na forma de pensar e agir, igualdade de direitos deve imperar na nossa nação que se diz laica, alias existe uma lei da liberdade religiosa que prevê que todas as confissões religiosas devem ser tratadas de igual maneira sem descriminações... o problema é que as minorias religiosas ainda sentem na pele o facto de não serem da religião tradicional portuguesa.
Bjs
De Dual a 24 de Janeiro de 2008 às 18:20
Vivemos novamente o tempo das cruzadas em que todos os meios justificam os fins.

Enfim...
De andie a 24 de Janeiro de 2008 às 19:19
É por isso que a minha religião é entre mim e o Universo, o Divino, o Poder Superior ou o que lhe quiserem chamar...Se bem que a minha tela favorita é a portuguesa "Só Deus!"...Mas é pela expressividade das personagens e pela simbologia da mesma que a adoro.
jinhos!
De Bento a 24 de Janeiro de 2008 às 19:46
Distribuição gratuita de panfletos já não suporto, ainda no fds passada ia na baixa da cidade quando sou abordado por uma senhora que me entregou um papel, simples olhei mais uma religião, mal ou bem tenho a minha, amarrotei o papel e lixo, acho que a senhora viu mas não terá tido a coragem de me dizer algo, e o certo é nunca mais me abordar o que agradeço.

Quanto a lei, acho que está incompleta, se é para acabar com a religião na escola que acabem de vez com tudo, já agora permiti-me uma pequena história real, quando andava na primária havia duas colegas nossas que eram Testemunhas de Jeová, e no dia da festa de Natal ficavam sempre em casa, (se havia alguma festa na Páscoa já não me recordo) nunca achei que fosse a coisa mais justa ou mais correcta, mas nesses dias se presentes sentiam-se completamente postas de parte, afinal todas as crianças gostam de festas, hoje acredito que a percentagem de religiões seja maior nas escolas, que farão essas crianças,? não será melhor criar uma festa para todas nesses dias, também não vamos criar escolas só para estudar estudar, olha o dia da amizade....
De Ângela Raquel a 24 de Janeiro de 2008 às 21:32
Realmente... Olha nem tenho palavras para tal coisa. Fizeste muito bem, pois se existe uma lei tem de ser cumprida e mais nada.
E sinceramente também não achei nada bem usarem a própria filha para poderem passar o recado.
Eu sou catolica, não praticante, mas não gosto nada quando me vêm bater à parte a falar desta ou daquela religião. Isso é uma coisa que me irrita bastante.

Beijinhos.
De sonjita a 24 de Janeiro de 2008 às 22:48
Bem... é vergonhoso usarem crianças para divulgarem a religião. A miúda levou aquilo para a escola sem saber muito bem o que era e para que serve... mandaram-na e ela obedeceu. Enfim...
Acho que o espaço de cada um deve ser respeitado mas está dificil...
BJoka
De miss_crash a 25 de Janeiro de 2008 às 16:41
Isso realmente é inadmissível, também por se andar a fazer divulgação de religiões numa escola pública, mas, para mim, principlamente por se ter utilizado uma criança.
Mas gostava de perguntar uma coisa. Disseste (e já vi num comentário) que não já não há aulas de religião e moral por terem por base ideias católicas. Tens a certeza? Na minha escola ainda existem (ainda que opcionais, claro), dadas mesmo por padres.
beijocas
De Luz a 25 de Janeiro de 2008 às 16:53
Olá Miss Crash,

Julgo que sim, que é permitido desde que seja opcional e desde que não hajam cruzes, santos, etc, tudo o que seja alusivo a dada religião.
Quando falei da religião e moral, estava a falar especificamente no 1º Ciclo (primária como se chamava antigamente e como eu ainda costumo chamar), porque no meu tempo nós ainda tinhamos da 1ª à 4ª classe religião e moral obrigatória, coisa que já não acontece agora. O meu filho está no 1º ano e se quiser ter algo do género só se tiver Catequese na Igreja, ali não há.
Beijocas
De miss_crash a 25 de Janeiro de 2008 às 21:12
Ah está bem, já estou a perceber. Mas acho que, dado as escolas serem laicas, não deviam proporcionar aulas de moral. Quer dizer, ou são laicas ou não são, já nem falando de festas de natal e afins (nunca tinha pensado nisso).
É curioso que os crucifixos são proibidos nas escolas mas não sei se são nos hospitais, pelo menos, vêem-se bastantes. E ninguém diz nada. Na escola encomodam, mas numa situação mais complicada... Contudo, não deve ser muito agradável para alguém de outra religião estar deitado com um crucifixo á frente.
De Luz a 26 de Janeiro de 2008 às 07:22
O Bento e eu também defendemos essa tese, ou bem que são em tudo ou bem que não são em nada!

Pois o crucifixo (na tua última frase)... Julgo que não seja, mas como sou católica (embora não praticante) não tenho muita noção do que sentem, vou deduzir que sentem o mesmo que eu quando leio certas atrocidade em panfletos lol.
Jinhos
De Renato Miguel Araújo a 26 de Janeiro de 2008 às 00:55
"Não seja(m) assim! É a palavra do senhor!"
Foi isto que me disseram uma senhoras que insistiram em dar-me na rua um panfleto qualquer que possivelmente continha a formula da minha salvação. Eu bem que fui educado e disse à senhora, "não muito obrigado". A senhora insistiu. Eu expliquei à senhora que não ia ler a palavra do senhor, que guardasse para outro. A senhora insistiu. Eu disse à senhora que se levasse o papel era para deixar no caixote de lixo mais próximo (nesta parte já estava farto da insistência). E a senhora insistiu. Eu agarrei o papel, rasguei e devolvi e ainda tive de ouvir: "Não seja assim, é a palavra do senhor!"
Resta-me dizer:
Senhor, dai-me paciência!
De Luz a 26 de Janeiro de 2008 às 08:22
Não sei se já contei isto aqui ou se foi noutro sítio qualquer...
Um amigo meu de tão farto que a mesma senhora, Testemunha de Jeová, lhe batesse à porta mesmo depois de já lhe ter dito dezenas de vezes que não a queria ouvir, optou por um dia, quando ela lá foi, lhe dizer que era adorador de Satanás. Foi remédio santo, ela nunca mais voltou.
Diz ele que se soubesse tinha dito a frase milagrosa logo no primeiro dia. A insistência é irritante!
Beijo
De Renato Miguel Araújo a 26 de Janeiro de 2008 às 10:24
Outra solução (testada e garantida, só não digo por quem) é ir à porta nu, tal como deus nos trouxe à terra!
De Luz a 26 de Janeiro de 2008 às 11:02
O que eu dava para ver a cara da senhora eheheheheh

Comentar post

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds