Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

A minha Tulu

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Boneca da Luz

Meez 3D avatar avatars games

Awards e Prémios

Da Sonjita, do Bento, da Rosa Xhoque, da Ângela, do Dark, da Andie. ADORO-VOS!

Prémio Rosa Xhoque

Da Ângela, Sonjita, Andie, Miss Crash, do Pandora, da Miss T, do Zizi Bento.

Sexta-feira, 14 de Março de 2008

Esta notícia está a deixar-me doida!

"O Governo vai proibir a importação, criação e reprodução de cães de sete raças consideradas perigosas e de todos aqueles que resultem do cruzamento de animais destas raças ou com outras espécies. A notícia é avançada pela TSF e abranges as raças Pit bull , Rottweiler , Cão de fila brasileiro, Dogue argentino, Staffordshire terrier americano, Staffordshire bull terrier e Toza inu .

Assim que o despacho que o Ministério da Agricultura tem em preparação for publicado, o que deverá acontecer «muito brevemente», soube o PortugalDiário , os donos dos cães considerados perigosos dispõem de dois meses para procederem à esterilização dos mesmos. Caso não façam essa esterilização, os proprietários arriscam-se a pagar coimas entre os 500 e os 45 mil euros."

Notícia completa aqui

 

Quem faz estas leis não tem cérebro de certeza absoluta.

 

1º- Raças bem mais perigosas não estão incluídas .

 

2º- Não tem a haver com os animais, tem a haver com a educação e sociabilização

 

3º- Eles só afectam quem cumpre as leis. A minha cadela já tinha seguro antes de ser obrigatório, a minha cadela tem chip desde bebé, a minha cadela está educada e sociabilizada... A minha e a de muita gente dita responsável que gosta dos animais e não os quer para lutas e afins. E esses nunca cumpriram a lei. E não fiz um seguro por achar que ela é má, fiz tal como outros donos responsáveis fizeram para cães com raças que não são consideradas perigosas.

 

4º- Como diz um comentador da notícia e muito bem: "fazem ideia a quantidade de raças altamente perigosas?? Fazem?? Ou só sabem os que dão na TV? Então Eu a seguir vou comprar um Boerboel , sabem o que é?? Ou então um Cane corso, o que mais gosto o Presa das Canárias ?? Têm ideia do que estou a falar? NAO ! Não passam na Tv. Pois acabam estas raças mas novas surgem, será que não entendem? Será que não percebem que nunca vai será o cão mas sim o Dono?? E falam como se soubessem do que falam. O meu próximo cão vai ser mais musculado mais agressivo e não tenho que o esterilizar. Crime é Ignorância !!"

 

5º- Assassinos podem existir! Ah e pedófilos também! Cães que acham maus é que não!

 

6º- Venha a multa porque esta lei não cumpro.  Eu não esterilizo a minha cadela. Nunca fiz criação com ela e não é com a idade que tem que vou fazer, mas não esterilizo!!

 

7º - Sou bem mais perigosa que a minha cadela, terei de ser esterilizada??????????

Por Luz às 13:31
Link do post | Comentar
|
10 comentários:
De sonjita a 14 de Março de 2008 às 14:22
Bem, é realmente absurdo... eu acho que existem raças que por tendência são mais perigosas mas se forem educados e se os comportamentos de violência nao forem incitados não há o que temer... mas é como o jornalista, só se sabe do que se vê na TV... enfim!!!
BJokas

De amitaf a 14 de Março de 2008 às 14:31
Concordo em absoluto contigo!

Não tenho cães, mas concordo plenamente contigo.
Os animais não têm culpa o problema é como dizes de educação e sociabilização.

Para quê ter um cão que fica dias inteiros sózinho no terraço com donos que apenas lhe mudam a água e lhe dão comer! É gostar de animais???????????

Assisto a este filme diáriamente!
Os condóminos queixam-se que ele se atira ás pessoas no miserável passeio de cinco minutos que vai fazer á rua! Até eu me atirava!

Bj


De marisa a 14 de Março de 2008 às 16:24
Apesar de nao ser uma grande adepta de cães também não concordo nada com essa noticia! Os animais nao sao perigosos, perigosos sao os donos selvagens que nao os tratam como deve ser e nao têm as mesmas preocupaçoes que tu tens!
De amitaf a 14 de Março de 2008 às 17:32
Luz querida, juro que não percebo o que se está a passar, não consigo enviar um msn de jeito.

Vou tentar de casa!

Bjs
De pauloasp a 14 de Março de 2008 às 22:51
Cumpra-se a lei, já existem muitas leis (Portaria nº 421/2004, os Decretos-Lei nº 313, 314, 315/2003, ) sobre o mundo canino e sobre os cães potencialmente perigosos. Só que quase ninguém cumpre a lei. Já por diversas vezes tenho vindo a alertar o Sr. Ministro da Agricultura bem como a Direcção Geral de Veterinária para esse facto.

As Câmaras Municipais (CM) e o Estado e a DGV não deveriam fiscalizar pelo cumprimento das leis?

Segundo o art. 18º do Dec. Lei 313/2003, de 17 de Dezembro, compete à DGV, às DRA, à Inspecção-Geral das Actividades Económicas, às Câmaras Municipais, aos médicos veterinários municipais, às juntas de freguesia, à GNR e a todas as autoridades policiais assegurar a fiscalização.

É de lei registar os cães na junta de freguesia de residência (Portaria nº 421/2004 de 24 de Abril).

O Clube Português de Canicultura (CPC) só regista (não obrigatório) no Livro de Origens Português (LOP) os cães com pedigree e cujos donos não estejam suspensos por este (CPC) de todas as actividades cinológicas. O LOP é da responsabilidade da DGV mas delegada no CPC. Veja-se o exemplo dos registos do gado bovino.

E já agora, quantos cães existem em Portugal? Quantos estão registados (perigosos ou não)?

As Polícias (PSP, Municipais, …) multam o dono do cão por não trazer a trela, não ter açaime se for caso disso, se defecar em espaços públicos, …? Muito provavelmente não. Mas se as anteriores infracções são fáceis de detectar, punir o facto do cão não estar registado, é mais complicado.

Deixo uma sugestão, solicitem à pessoa que passeia o cão, o nome e morada do proprietário do animal e enviem os dados para verificação para a Junta de Freguesia (JF) e apliquem a lei. A DGV através das CM e das JF faz a vacinação anti rábica. Verifiquem se têm o registo e o microchip. Até os próprios médicos veterinários o podem fazer. Isto tudo é uma questão cultural e de civismo.

As CM e as JF pactuam com estas irregularidades e só quanto existe uma desgraça é que actuam e os senhores jornalistas já têm matéria para páginas nos seus jornais e abertura de notícias na rádio e televisão.

“LOP – Livro de Origens Português, pedigree, o registo de nascimento dos cães de "raça pura". O LOP foi criado em 1932, para fazer o registo genealógico, para a identificação dos cães de raça pura, existentes em Portugal, conforme despacho ministerial de 29 de Março de 1939 (Diário do Governo, nº 91, 3ª Série de 20 de Abril de 1939) – ponto 1 do art. 1 do Regulamento do LOP, www.cpc.pt/cpc/regulamentos/lop_ri.pdf .”

O registo na junta de freguesia de residência é obrigatório para qualquer cão, mas é autorizado, por parte do CPC e das autarquias, onde são realizados os eventos caninos, participarem sem o devido registo e ninguém solicita autorização à Direcção Regional de Agricultura, conforme, o Dec.-Lei nº 314/2003 de 17 de Dezembro. Nestes eventos não existe fiscalização, apesar dos folhetos de divulgação constar o nome de um médico veterinário. O médico veterinário, em muitos casos, não aparece, e quando aparece, faz uma verificação do boletim de vacinas de uma forma aleatória e/ou com a presença do microchip, esquecendo-se da vinheta da junta de freguesia e se acontecer não ter a vinheta da junta, não acontece nada ao prevaricador.

Será que o médico veterinário (se aparecer) vai ver (artº 5 Decreto-Lei nº 314/2003) todos os cães? Talvez não, e se fizer alguma verificação, esta é aleatória e itinerante, segundo as regras do CPC (www.cpc.pt/?exposicoes/2007/info/veterinario).

Será que o médico veterinário municipal vai ver selo ou carimbo do licenciamento de cães, “potencialmente perigosos” ou não, no boletim sanitário? Talvez não. E se o médico veterinário der pela falta do selo ou carimbo? Passa à frente, porque esta responsabilidade é do Presidente da junta da área da exposição.

Os cães considerados “potencialmente perigosos” vão andar de açaime no espaço público da exposição? Não. É punido? Não.

As exposições e ou concursos caninos pedem autorização às Direcções Regionais da Agricultura (nº2 do art. 4º do Dec. Lei nº 314/2003)? Talvez não.

PS - Por falar em cães, existe um buraco no Decreto-Lei nº 74/2007 - cidadãos portadores de deficiência com cães de assistência pois este não é possível de ser cumprido.
De Luz a 15 de Março de 2008 às 10:20
Bom dia Pauloasp e bem-vindo,

Há leis com as quais concordo. Mas a lei só pune o cumpridor!

Com a minha cadela cumpro escrupulosamente a lei, deixarei de a cumprir se tiver de a esterilizar.
Até faço mais que cumprir a lei, pois tenho outros cães e estão longe de ser considerados potencialmente perigosos. Mas não é por isso que deixam de ter seguro, estar registados na junta, terem chip etc. Ou seja, mesmo onde não sou obrigada faço. Eu não preciso de leis, não preciso que elas existam para ter seguros, todos os meus cães já o tinham antes da lei existir, não preciso de leis que me digam o que fazer com eles, porque todos eles foram ensinados e sociabilizados. Mas depois deparo-me com situações em que ninguém faz nada e os donos estão perfeitamente nas tintas para o que os seus cães fazem. Exemplos: um Labrador à trela atacado por um Caniche solto, ficou com uma orelha rasgada, o Labrador nem reagiu e a dona do caniche nem quis saber... O que foi feito a esta dona (e ao cão)? Nada! Uma criança com uma perna rasgada por um cão srd que não ia à trela. O que foi feito ao dono e ao cão? Nada! No noticiário não aparecem notícias destas, não dá audiência, mas isto acontece quase todos os dias, quem trabalhar na urgência de um qualquer hospital central sabe que é verdade.

O que me revolta Paulo, é que quem os quer para lutas, para fazer mal aos outros, não cumpre a lei. E depois destes cães serem proibidos arranjaram outros e outros.
Nós que vivemos com eles e para eles, nós que os tratamos com todo o carinho, nós que cumprimos o que nos exigem e por vezes até mais do que nos exigem porque gostamos deles e sabemos que há pessoas que os detestam e são capazes de tudo, por isso cumprir a lei é uma forma de os salvaguardar, é que somos lesados.

É esta a razão da minha revolta. Não temos cães maus, temos maus donos.
De Carrie a 15 de Março de 2008 às 18:50
Olá! Tambem achei absurda esta noticia. Toda a minha vida tive cães, e entretanto apaixonei-me por Dobermanns. Já vou na minha segunda cadela, esta agora filha de pais com LOP. Amo-a de paixão. Felizmente que já retiraram os Dobers das ditas raças "perigosas", porque se continuasse eu também não a iria esterilizar. Acho um absurdo, até porque está claro que esta dita "lei" so foi feita para arranjarem mais multas. NÃO É O CAO QUE É PERIGOSO, O DONO É QUE É!! Já vi chihuahuas mto mais agressivos do que rotweillers, por favor!! Uma ideia, pk não esterilizam alguns senhores do governo? Podia ser que assim, num futuro mais ou menos proximo, este pais começasse a andar finalmente para a frente.... XIÇA!!!
De Luz a 15 de Março de 2008 às 20:46
Seja bem aparecida! Tens andado fugida!!!

Que engraçado, não sabia desse teu amor. Também tenho uma. Já não está nada nova... Mas dessa parte não quero falar, nem quero pensar nisso.
Entre ela e a rott nem sei avaliar qual é a mais meiga, são as duas um doce. Sabes que a minha rott já tentou dar de mamar a um gatinho bebé? Ela não tinha leite, nem nunca teve crias, mas ele procurava e ela deitava-se de lado para ele fingir que mamava.
Muito más!!!
De Carrie a 16 de Março de 2008 às 16:50
Ehehe, fugida mas sempre vindo aqui ler os teus posts... ;-) Deu-me a chamada preguicite para escrever, coisa que, aliás, está sempre a acontecer-me lol.
Sim, amo de paixão os Dobers. Até ter a minha primeira, levei coisa de um ano a perg a toda a gente k conhecia se tinham dobers, ou se sabiam de alguem k vendesse. E tinha sp a mesma resposta: "aii credo, esses caes atacam os donos, o cerebro cresce e passam-se..." AHAHAHAH! Coisa mais ridicula! A cadela que tenho agora é do mais meigo que existe. É claro que se ela ver alguem entrar la em casa que nao conheça, ladra de maneira diferente, mas se andar na rua nao liga a ninguem... Os donos é que fazem o cao!!
Beijinhos p ti e para a tua dober. (mais uma coisa em comum, lol) Bom fim de semana.
De joseph a 15 de Março de 2008 às 22:16
LUZ
OLá

Não tenho animais, digo cães ou gatos, e não sei comentar bem este assunto.
Há cães pequenos, com os quais gosto de brincar, mas com os grandes , está quieto.....
Até há cães, bastante grandes, Pastores alemães, Serra da Estrela, etc... que se calhar são mais perigosos que os cães caseiros.....

Quanto ao "cão que ladra, não morde!", só se forem os políticos...

Peço desculpa mas posso falar é dum mail que hoje enviei sobre o que os chineses fazem aos cães e aos gatos.

Já estás bem de saúde?
Espero que sim.

Jinhos grandes, querida amiga;)**

Comentar post

Horas de Luz

online My Great Web page http://www.facebook.com/BENCAOmtc

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

Award Oferecido

pelo Joseph

Visitantes

Locations of visitors to this page

subscrever feeds