Luz

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31

Presente da Luz

Estou confusa - Assunto T...

AAAHHHHHHHHHHHHH

Exposição solar

Qual será o "Sindrome"?

Boneca da Luz

Estaremos, só por acaso, ...

7 da manhã, olho aberto

Que silêncio

Palavras para quê...

Haja justiça

Passado da Luz

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007

Uma lenta leitura

Gosto muito de ler e quando pego num livro tenho alguma dificuldade em parar, acho que nunca demorei tanto a ler um livro como este que tenho agora "entre mãos".

Estou no Volume 2 de Conversas com Deus do Neale Donald Walsch, mas nunca mais o acabo, sinto necessidade de parar praticamente a cada página, para que consiga assimilar o que lá está.  Fui educada como Católica, mas quase nunca vou à Igreja embora todos os dias reze, por vezes um pouco à minha maneira, como se mantivesse um diálogo de desabafo.

Eu não vejo Deus, Jesus etc como os caracterizam na Igreja Católica.  Não vejo Deus como o castigador como se diz por lá.

Este livro tem uma abordagem completamente diferente de Deus, retrata Deus (ou Deus auto-retrata-se) como uma energia, diz que cada um de nós o retratou à sua maneira, mas não discute de todo a forma correcta de o ver, nem eu o quero fazer, mas gostava de saber a vossa opinião, não do que acham estar correcto mas saber como vêem Deus.

No meu ver o importante é que estejamos bem com a nossa crença, pois acho que a nossa aceitação é de certa forma intelectual embora na maioria das vezes esteja fortemente mergulhada em emoção.

Eu preciso de acreditar Nele, preciso de durante o dia "falar" com Ele e por vezes de chorar, mas nunca me esquecendo de agradecer, raramente peço e quando o faço é para me iluminar o caminho, mas agradeço todos os dias, mais não seja por ter comida na mesa, uma cama quentinha e pessoas que me amam.

Etiquetas:
Por Luz às 12:54
Link do post
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Etiquetas

abandono crianças(2)

acupunctura(1)

animais(2)

aniversário; afectos(1)

aniversário; filho(1)

anorexia(1)

bencao(1)

boneca(1)

crenças(1)

desabafos(1)

dimensões(1)

esmeralda(4)

espanha(1)

férias(1)

fernando pessoa(2)

filho(7)

filhos; silêncio(1)

filmes(2)

fitoterapia(1)

fotofobia(1)

hipocrisia(1)

índigo(1)

ivg(2)

livros(2)

mário quintana(1)

natal(2)

poemas(1)

recordações(1)

regresso(1)

revolta(5)

ridículo(2)

saúde(3)

sensibilização(2)

séries(1)

tourada(1)

triste(1)

vida(5)

todas as tags

subscrever feeds